Práticas Integrativas e Complementares

Ambulatório de Cuidados Integrativos

A Portaria nº 849/2017 publicada em 25/03/2017 ampliou a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC), que, em conjunto com a Portaria nº145/2017 publicada em janeiro, ampliou o rol de procedimentos do SUS, incluindo práticas de arteterapia, meditação, musicoterapia e Reiki, dentre outras que fortalecem as Práticas Integrativas e Complementares (PICS) no SUS.

A Abrami tem a grata satisfação de contar com a parceria do Ambulatório de Cuidados Integrativos da Unifesp, que sob a coordenação da Profª Drª Sissy Veloso Fontes, vem desde 2012 atendendo pacientes com miastenia e outras doenças neuromusculares, assim como seus acompanhantes (familiares ou amigos).

A Profª Drª Sissy Fontes salienta que esse programa pioneiro integra de maneira transdisciplinar a medicina de ponta, de alta tecnologia, com as chamadas medicinas milenares, que entendem o homem em sua composição multidimensional, ou seja, como indivíduo que tem uma condição física, mas também psicológica, social e espiritual. Esses pacientes não deixam de receber as abordagens convencionais, como medicamentos, fisioterapia e fonoaudiologia, mas a realização das práticas integrativas auxilia em vários aspectos e melhora a qualidade de vida.

Em breve publicaremos o convite para um novo grupo de beneficiários, cujas atividades iniciarão em agosto deste ano. Aguarde novidades!

Leia na íntegra:

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar